Ajax x Nice

Após empatarem por 1 a 1 no jogo de ida da terceira rodada da fase pré-eliminatória da Champions League, realizado na semana passada na Allianz Riviera, as equipes de Ajax e Nice terão mais noventa minutos pela frente para decidirem seus futuros no torneio continental. A partida de volta, começa a partir das 15:45 (horário de Brasília) desta quarta-feira, na moderníssima Amsterdam Arena.
Por ter a vantagem de jogar a partida decisiva da terceira rodada da fase pré-eliminatória contra o Nice, diante de sua fanática torcida na Amsterdam Arena, o Ajax entra em campo com um ligeiro favoritismo. Além disso, o conjunto holandês teve uma atuação superior em relação aos franceses no confronto de ida, isso mesmo atuando fora de seus domínios. O Godenzonen (apelido do Ajax) iniciou a temporada com um novo comandante no banco de reservas, trata-se de Marcel Keizer, ex-treinador do Ajax B, que substitui o técnico Peter Bosz, que transferiu-se ao Borussia Dortmund. Contratado no ano passado para dirigir a esquadra B da equipe da capital holandesa, Keizer surpreendeu ao ter sido o vice-campeão da Segunda Divisão da Holanda, por isso, foi promovido para o time principal, pelo qual assinou um novo vínculo de duas primaveras.

Mesmo sofrendo um enorme assédio de grandes do Velho Continente, o Ajax conseguiu segurar os jogadores Kasper Dolberg, Lasse Schone e Amin Younes, suas principais peças na última temporada.
Mesmo sofrendo um enorme assédio de grandes clubes do Velho Continente, o Ajax conseguiu segurar os jogadores Kasper Dolberg, Lasse Schone e Amin Younes, suas principais peças na última temporada.

Do outro lado, o Nice desembarca em solo holandês sabendo da difícil missão que terá pela frente, ou seja, conquistar uma vitória fora de casa, já que na Allianz Riviera, os pupilos de Lucien Favre não fizeram a sua parte. O ponto forte das Águias (apelido do Nice) é sem sombra de dúvidas o setor ofensivo do time, que marcou gols em todos os jogos disputados neste início de temporada (incluindo amistosos de pré-temporada). No entanto, podemos definir o setor defensivo da equipe como um verdadeiro desastre, pois além de ter sido vazado pelo Ajax na partida de ida da terceira fase pré-eliminatória da Champions League, o Nice sofreu gols em todos os amistosos de pré-temporada, inclusive, chegou a ser goleado por sonoros 4 a 1, pelo modesto Slavia Praga. Para piorar ainda mais a situação do clube francês, o atacante Mario Balotelli, autor do único gol do Nice no confronto contra o Ajax, se machucou nesta mesma partida, e por isso, está vetado pelo departamento médico. Vale lembrar que o italiano nem viajou à Amsterdam com o restante do elenco das Águias. Em seu lugar o treinador Lucien Favre deverá utilizar o reserva imediato Alassane Pléa.

Segundo a imprensa francesa, o meia Wesley Sneijder pode ser anunciado como novo reforço do Nice, ainda nesta semana.
Segundo a imprensa francesa, o meia Wesley Sneijder está prestes a ser anunciado como novo reforço do Nice para a disputa da temporada 2017/18.

O registro histórico do confronto aponta que ambas equipes se enfrentaram uma única vez na história, foi justamente na partida de ida da terceira rodada da fase pré-eliminatória da Champions League, lembrando que o duelo terminou empatado por 1 a 1, com gols de Mario Balotelli para o lado dos franceses, e Donny van de Beek para o lado dos holandeses. O Ajax segue invicto há exatos 13 jogos atuando na Amsterdam Arena por competições internacionais, colecionando o total de 8 vitórias e 5 empates neste período, enquanto o Nice venceu somente uma partida como visitante em torneios europeus até hoje, contabilizando 4 empates e 17 derrotas em 22 jogos disputados fora de seus domínios. Vale ressaltar ainda que o Ajax já ergueu a taça da Champions League em quatro ocasiões (1970/71, 1971/72, 1972/73 e 1994/95), à medida que o Nice jamais sentiu o sabor de conquistar a orelhuda (taça da Champions League). Para finalizar, o encontro reúne o atual vice-campeão holandês (Ajax) contra o terceiro colocado da última edição do Campeonato Francês (Nice).

Os torcedores do Ajax esgotaram todas as entradas do duelo frente o Nice.
Os torcedores do Ajax esgotaram todos os ingressos do duelo frente o Nice.

Ajax (4-3-3): Onana; Veltman, de Ligt, Davinson Sánchez e Viergever; Ziyech, Schone e van de Beek; Kluivert, Dolberg e Younes. Técnico: Marcel Keizer.

Nice (4-2-3-1): Cardinale; Souquet, Le Marchand, Dante e Sarr; Koziello e Serl; Lees Melou, Srarfi e Eysseric; Pléa. Técnico: Lucien Favre.

Em plena fase pré-eliminatória, a Champions League já nos reserva um confronto pra lá de especial, afinal, o duelo entre Ajax e Nice protagoniza o encontro de duas grandes escolas do futebol europeu, o embate entre holandeses e franceses. Na partida de ida, já foi possível constatar uma enorme superioridade por parte do Ajax, que poderia ter saído da Allianz Riviera com uma vitória na bagagem, por isso, é óbvio que apontamos o favoritismo ao time de Amsterdam. Contudo, estes primeiros jogos da temporada, mostram que os atletas ainda estão longe da forma física ideal, portanto, não seria nenhuma surpresa ver os times perdendo bastante qualidade por decorrência do alto desgaste, depois dos 30 minutos da etapa final, aspecto esse, que pode mudar totalmente o rumo do jogo. Além do fator campo, o treinador Lucien Favre não contará com Mario Balotelli e Wylan Cyprien, suas principais peças, algo que torna a missão do Nice ainda mais complicada. Levando em consideração todos estes aspectos, acredito que o conjunto de Marcel Keiser saíra da Amsterdam Arena com a classificação assegurada.

 

Deixar um comentário

Menu