Bayern, eneacampeão alemão

A história se repetiu pela nona temporada seguida no futebol alemão, visto que o Bayern Munique faturou o título da Bundesliga. Deste modo, o Gigante da Baviera conquista o seu 31º caneco nacional ao longo da história.

Ver o Bayern dando a volta olímpica a cada final de temporada tornou-se algo rotineiro para os alemães, afinal, os bávaros conquistaram o título da Bundesliga pela nova vez consecutiva na tarde de ontem (08), depois que o RB Leipzig caiu diante do Borussia Dortmund (3 a 2). Com isso, os comandados de Hansi Flick entraram em campo apenas para cumprir tabela no duelo diante do Borussia Monchengladbach. Ainda assim, os eneacampeões golearam o Gladbach por 6 a 0, com direito a um hat-trick de Robert Lewandowski, artilheiro do torneio com 39 gols.

Contudo, vale ressaltar que o Bayern já deu mostras de que estava realmente sedento pelo eneacampeonato alemão desde a sua estreia na atual edição da Bundesliga, haja vista a goleada do Gigante da Baviera frente o Schalke 04 por 8 a 0 na primeira rodada. Pois é, isso explica porque eles são donos do melhor ataque do torneio com 92 tentos marcados, registrando assim, uma incrível média de 2,8 gols por partida. Para se ter uma ideia, sozinho, o atacante Robert Lewandowski balançou as redes mais vezes do que sete equipes na competição.

Desta maneira, o Bayern chega a duas rodadas do término da Bundesliga contabilizando 74 pontos em 32 jogos (23V – 5E – 4D), obtendo 2,31 pontos de média por jogo e 77,1% de aproveitamento no torneio. No entanto, é importante salientar que mesmo se os bávaros vencerem seus próximos dois compromissos diante de Freiburg e Augsburg, eles só superarão duas das nove campanhas da série do eneacampeonato alemão. Confira abaixo o desempenho da equipe neste período:

  • Bundesliga 2012/13 – 91 pontos – Jupp Heynckes
  • Bundesliga 2013/14 – 90 pontos – Pep Guardiola
  • Bundesliga 2014/15 – 79 pontos – Pep Guardiola
  • Bundesliga 2015/16 – 88 pontos – Pep Guardiola
  • Bundesliga 2016/17 – 82 pontos – Carlo Ancelotti
  • Bundesliga 2017/18 – 84 pontos – Jupp Heynckes
  • Bundesliga 2018/19 – 78 pontos – Niko Kovac
  • Bundesliga 2019/20 – 82 pontos – Hansi Flick
  • Bundesliga 2020/21 – 74 pontos – Hansi Flick
    *ainda restam duas rodadas para o término da competição

Mas apesar da excelente performance do Bayern, o Gigante da Baviera passará por algumas mudanças na próxima temporada, a começar no comando técnico da equipe, que terá o jovem Julian Nagelsmann ocupando o lugar de Hansi Flick. Além do treinador, tanto Jérôme Boateng quanto David Alaba também deixarão o clube bávaro em função do término de seus respectivos contratos. Até o momento, somente o substituto do zagueiro está definido, trata-se de Dayot Upamecano, contratado junto ao RB Leipzig pela bagatela de 43 milhões de euros.

Portanto, a gloriosa trajetória de Hansi Flick à frente dos eneacampeões alemães esta a 180 minutos de acabar. Desde que o ex-auxiliar de Joachim Low assumiu o comando bávaro há 18 meses, a equipe conquistou o montante de SETE títulos, dentre eles, a tríplice coroa na temporada passada, um feito, até então, só alcançado pelo lendário Jupp Heynckes em 2013. Outro detalhe interessante, é que o Bayern perdeu somente oito partidas sob a batuta de Hansi Flick, colecionando 69 vitórias e sete empates nos demais compromissos.

Por fim, os bávaros chegam ao seu 31º título alemão, aumentando ainda mais a sua vantagem em relação ao Nuremberg, que soma nove conquistas. Completam a lista dos maiores campeões do país, as equipes de Borussia Dortmund (8), Schalke 04 (7), Hamburgo (6), Borussia Monchengladbach (5), Werder Bremen (4), Greuther Futher (3) e Eintracht Frankfurt (1). Logo, diante de toda esta supremacia, fica evidente que o Bayern tem tudo para tornar-se o primeiro clube que disputa as cinco grandes ligas europeias a vencer o campeonato nacional DEZ vezes seguidas na próxima temporada.

Deixar um comentário

Menu