Liverpool x Manchester City

Na manhã deste domingo, será dada a largada para o início da temporada 2019/20 na Terra da Rainha. E logo de cara, teremos o incrível confronto entre Liverpool x Manchester City, válido pela grande final da Community Shield, a tradicional Supercopa da Inglaterra. O duelo começa a partir das 11:00 (de Brasília), no mítico estádio de Wembley.

Liverpool

A temporada 2018/19 foi um verdadeiro sonho na vida dos Reds, afinal, os pupilos de Jurgen Klopp ergueram a tão cobiçada taça da Champions League, após uma épica vitória sobre o Tottenham, por 2 a 0, naquela, que foi a sexta conquista do time inglês ao longo da história.
No entanto, os péssimos resultados obtidos pelo Liverpool em sua pré-temporada, realizada nos Estados Unidos, preocupa demasiadamente os Reds. Para se ter uma ideia, os atuais campeões europeus não venceram nenhum dos três jogos disputados na terra do Tio Sam, colecionando duas derrotas frente Borussia Dortmund e Sevilla, e um empate diante do Sporting. E não para por aí, visto que os ingleses ainda sofreram um duríssimo revés para o Napoli, por 3 a 0, em amistoso que teve como palco, o Murrayfield Stadium, em Edimburgo.
Obviamente, o grande número de desfalques atrapalhou bastante o Liverpool durante a pré-temporada, uma vez que os atletas que disputaram tanto a Copa América quanto a Copa Africana de Nações ainda não apresentam condições físicas necessárias para jogar.

O único reforço contratado pelo Liverpool nesta janela de transferências, foi o novato Sepp van den Berg, ex-zagueiro do PEC Zwolle, de apenas 17 anos de idade. O holandês chegou aos Reds por 1,9 milhões de euros (R$ 7,98 milhões).
O único reforço contratado pelo Liverpool nesta janela de transferências, foi o novato Sepp van den Berg, ex-zagueiro do PEC Zwolle, de apenas 17 anos de idade. O holandês chegou aos Reds por 1,9 milhões de euros (R$ 7,98 milhões).

Manchester City

Do outro lado, o Manchester City espera repetir o sucesso da última temporada, lembrando que os comandados de Pep Guardiola faturaram a tríplice coroa inglesa, ao ganharem a Premier League, a FA Cup (Copa da Inglaterra) e a Copa da Liga Inglesa.
Ao contrário dos Reds, os Citizens preferiram realizar a sua pré-temporada na China, aonde também tiveram um desempenho abaixo das expectativas, já que eles foram derrotados pelo Wolverhampton na final do Troféu Premier League da Ásia (mini torneio de pré-temporada), ao perderem nos pênaltis (3 x 2), depois de empatarem sem gols no tempo regulamentar. Vale ressaltar, que o Manchester City conquistou três triunfos em solo asiático, diante de West Ham (4 a 1), Kitchee (6 a 1) e Yokohama Marinos (3 a 1), respectivamente.
Os atuais bicampeões ingleses entrarão em campo sem algumas de suas principais peças. Me refiro aos jogadores Nicolas Otamendi, Fernandinho, Riyad Mahrez, Gabriel Jesus e Sergio Aguero, que estiveram presentes na Copa América e na Copa Africana de Nações, e por este motivo não estão 100% fisicamente.

O volante Rodri foi o principal reforço contratado pelo Manchester City neste meio de ano. Para contratá-lo junto ao Atlético Madrid, os Citizens precisaram desembolsar a bagatela de 70 milhões de euros (R$ 294 milhões).
O volante Rodri foi o principal reforço trazido pelo Manchester City neste meio de ano. Para contratá-lo junto ao Atlético Madrid, os Citizens precisaram desembolsar a bagatela de 70 milhões de euros (R$ 294 milhões).

Dados Interessantes

O registro histórico do confronto aponta que ambas equipes se enfrentaram 182 vezes ao longo da trajetória, e a vantagem é do Liverpool que contabiliza 89 vitórias mediante 46 triunfos do Manchester City, ao passo que o empate prevaleceu em outras 47 oportunidades.
O encontro mais recente envolvendo os dois clubes, ocorreu em janeiro deste ano no Ettihad Stadium, pela 21ª rodada da Premier League 2018/19. Na ocasião, o Manchester City bateu o Liverpool, por 2 a 1, com gols de Sergio Aguero e Leroy Sané pelos lados dos Citizens, à medida que Roberto Firmino descontou a favor dos Reds. Já o último duelo entre eles no estádio Anfield Road, terminou empatado em 0 a 0.
Curiosamente, a Supercopa da Inglaterra teve a sua primeira edição realizada no ano de 1898, e tem o Manchester United liderando a lista de campeões da competição com 21 títulos na bagagem, seguido de perto por Liverpool e Arsenal, que juntos somam 15 conquistas cada um. Já o Manchester City, é apenas o sexto maior ganhador do torneio com cinco canecos no currículo.

Liverpool e Manchester City jamais disputaram a final da Supercopa da Inglaterra, logo, trata-se de uma decisão inédita. Os Citizens correm atrás do segundo título consecutivo do torneio.
Liverpool e Manchester City jamais disputaram a final da Supercopa da Inglaterra, deste modo trata-se de uma decisão inédita. Os Citizens correm atrás do segundo título consecutivo do torneio.

Escalações

Liverpool (4-3-3): Mignolet; Alexander-Arnold, Matip, van Dijk e Robertson; Henderson, Fabinho e Milner; Oxlade-Chamberlain, Origi e Lallana. Técnico: Jurgen Klopp.

Manchester City (4-3-3): Bravo; Walker, Stones, Laporte e Zinchenko; De Bruyne, Rodri e Foden; Bernardo Silva, Sterling e Leroy Sané. Técnico: Pep Guardiola.

Previsão

Um jogaço, assim podemos definir o confronto deste domingo no estádio de Wembley entre Liverpool x Manchester City, na minha opinião, as duas maiores forças do futebol inglês na atualidade.
É um tremendo erro avaliarmos o desempenho de um time considerando a sua participação em torneios de pré-temporada, afinal, tratam-se de períodos aonde os treinadores realizam diversos testes. Além disso, os jogadores ainda não apresentam condições físicas adequadas para atuar durante as partidas, fazendo com que elas sejam na maioria das vezes, modorrentas. Por conta de todos estes aspectos, fica difícil prevermos o que Liverpool e Manchester City serão capazes de fazer na final da Supercopa da Inglaterra. Ademais, a falta de ritmo de jogo aliada ao grande número de desfalques de ambas equipes, também são fatores que atrapalharão Jurgen Klopp e Pep Guardiola na busca pelo primeiro título da temporada regular.
Palpite: Liverpool 0 x 2 Manchester City.

Deixar um comentário

Menu