Flamengo x River Plate

O estádio Monumental de Lima será o palco da tão aguardada final da edição de 2019 da Copa Libertadores entre Flamengo x River Plate. A inédita decisão deste sábado (23), terá início a partir das 17:00 (horário de Brasília).

Flamengo

Foram esperados longos 38 anos para que enfim, o Flamengo voltasse a disputar uma final de Copa Libertadores da América, isso explica porque a empolgação da nação rubro-negra é tão grande no momento. Todavia, todo a euforia flamenguista não deve-se apenas por este motivo, afinal, a equipe da Gávea vem jogando um futebol de encher os olhos, a ponto até de ser comparada ao incrível Flamengo de 1981, na época, composto por craques como Zico, Adílio, Nunes, Andrade, Júnior, Mozer, Leandro, Tita, entre outros.
Obviamente, o altíssimo investimento realizado pela diretoria do Flamengo no início do ano colaborou para que o Mengão vivesse esta excelente fase, porém todos os frutos das altas cifras gastas pelo time carioca só passaram a ser colhidos pra valer, após a chegada do treinador Jorge Jesus ao clube. À vista disso, o técnico português é considerado o maior responsável pelo sucesso da equipe, que por sua vez, continua isolada na liderança do Brasileirão com 81 pontos, isto é, treze à frente do vice-colocado, Palmeiras.

Caso o Flamengo seja campeão, o time carioca encontrará o Liverpool no Mundial de Clubes da FIFA em dezembro, ou seja, a mesma equipe que o Mengão enfrentou o na decisão do torneio em 1981.
No caso de título, o Flamengo encontrará o Liverpool no Mundial de Clubes da FIFA em dezembro, ou seja, o mesmo adversário dos cariocas na decisão do torneio em 1981.

River Plate

Do outro lado, o River Plate desembarca em Lima com a confiança totalmente em alta, sobretudo porque o comandante da equipe argentina fora das quatro linhas é Marcelo Gallardo, o maior ídolo da história do clube de Núñez, que inclusive já faturou três títulos da Copa Libertadores, sendo duas como treinador e uma como atleta dos Milionários. Outro aspecto que anima demasiadamente os atuais campeões sul-americanos, é o fato deles terem eliminado o eterno rival Boca Juniors na fase anterior da Copa Libertadores.
Enquanto isso, pela Superliga Argentina, os pupilos de Marcelo Gallardo ocupam a 4ª posição na tabela, contabilizando 24 pontos em 13 jogos, permanecendo a apenas um ponto dos líderes Boca Juniors, Lanús e Argentinos Juniors, todos com 25 pontos ganhos.
O departamento médico colorado vetou a presença do volante Bruno Zuculini, em decorrência de uma lesão na coxa. Deste modo, o jovem Exequiel Palacios, de apenas 21 anos, iniciará a partida entre os titulares da equipe do River.

O River Plate jamais venceu o Flamengo pela Copa Libertadores. Em quatro duelos, os brasileiros acumulam duas vitórias enquanto os outros dois jogos terminaram empatados.
O River Plate jamais venceu o Flamengo pela Copa Libertadores. Em quatro partidas, os argentinos acumulam duas derrotas enquanto os outros dois jogos terminaram empatados.

Dados Estatísticos

O registro histórico do confronto aponta que ambas equipes se enfrentaram 12 vezes ao longo da trajetória, e a vantagem é do River Plate que soma 5 vitórias mediante 4 triunfos do Flamengo, ao passo que o empate prevaleceu em outras três oportunidades.
Curiosamente, o River Plate disputará final da Copa Libertadores pela sétima vez na história, lembrando que os Milionários são detentores de quatro taças do torneio, enquanto o Flamengo, campeão continental em 1981, estará presente em sua segunda decisão.
Vale ressaltar ainda, que esta será a 15ª final envolvendo brasileiros e argentinos, sendo que nossos hermanos levam uma ampla vantagem nos duelos obtendo nove títulos. No entanto, o retrospecto recente é mais favorável aos clubes tupiniquins, haja vista as conquistas de Corinthians e Grêmio diante de Boca Juniors e Lanús, em 2012 e 2017, respectivamente.
Em 2019, o Flamengo acumula o montante de 44 vitórias, 16 empates e sete derrotas em 67 jogos realizados (73,6% de aproveitamento). Não obstante, o River Plate registra 26 vitórias, 14 empates e dez derrotas em 50 partidas jogadas no ano (61,3% de aproveitamento).

Pela primeira vez na história, a Copa Libertadores será realizada em final única, tendo como palco o estádio Monumental de Lima.
Em virtude de conflitos políticos que afligem o Chile, a primeira final única da Copa Libertadores foi transferida de Santiago para Lima, e terá o estádio Monumental como palco.

Escalações

Flamengo (4-1-3-2): Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; William Arão; De Arrascaeta, Gérson e Éverton Ribeiro; Bruno Henrique e Gabriel. Técnico: Jorge Jesus.

River Plate (4-1-3-2): Armani; Montiel, Martínez Quarta, Pinola e Casco; Enzo Pérez; De La Cruz, Palacios e Nacho Fernández; Matías Suárez e Borré. Técnico: Marcelo Gallardo.

Previsão

Esta final entre Flamengo x River Plate, certamente reunirá as duas principais equipes da América na atualidade, ambas comandadas por grandes treinadores. Por este motivo, podemos afirmar de antemão que teremos um duelo alucinante na capital peruana.
Líder isolado no Campeonato Brasileiro e invicto há exatas 25 partidas, o Flamengo vive a sua melhor fase após a “era Zico”, e embora tenha pela frente o atual campeão sul-americano, o time carioca chega como franco favorito à vitória nesta decisão, à medida que o River Plate terá como principal arma a experiência de seus jogadores, que há pouco menos de um ano, estavam em Madrid enfrentando o Boca Juniors, naquela que acabou sendo a final mais polêmica da Copa Libertadores até hoje.
Considerando o futebol praticado pelos finalistas dentro de campo, aliado a superioridade técnica do Flamengo em relação ao River Plate, tudo nos leva a crer que os brasileiros voltarão de Lima com o bicampeonato na bagagem.
Palpite: Flamengo 2 x 0 River Plate.

Deixar um comentário

Menu