PSG x Bayern

Na tarde do próximo domingo (23), PSG e Bayern escreverão o último capítulo da histórica edição 2019/20 da Champions League. O confronto entre franceses e alemães começa a partir das 16:00 (de Brasília) no estádio da Luz, em Lisboa.

Paris Saint-Germain

Estar na grande decisão da Champions League, já torna o PSG, de Thomas Tuchel, como o melhor da história, afinal, o clube da capital francesa jamais foi finalista do torneio continental, tendo como melhor performance na competição, ter disputado as semifinais na temporada 1994/95. Logo, o sonho dos parisienses de erguer a orelhuda nunca esteve tão próximo da realidade.
Embora o PSG tenha enfrentado adversários sem tanta tradição nas fases anteriores da Champions League, como são os casos de Atalanta e RB Leipzig, o ótimo futebol apresentado pela equipe, em especial pelo craque Neymar, deixa evidente que os parisienses chegaram com méritos na final, lembrando que eles já faturaram a Supercopa da França, a Ligue 1, a Copa da França e a Copa da Liga Francesa na atual temporada, ou seja, ganharam TUDO que disputaram até aqui.
A presença do goleiro Keylor Navas na decisão ainda é incerta, em virtude de uma lesão no bíceps femoral da perna direita sofrida no jogo contra a Atalanta.

Palavra do treinador Thomas Tuchel:

 Estou muito feliz por treinar esta equipe, é divertido. Eles não estão apenas prometendo, eles estão entregando. Vamos dar tudo; a final será uma grande partida.”

Bayern Munique

Depois de um início de temporada pra lá de turbulento, que culminou com a saída do ex-treinador da equipe Niko Kovac, o Bayern retomou o caminho das vitórias. Não à toa, o Gigante da Baviera disputará a final da Champions League pela DÉCIMA PRIMEIRA vez na história. A propósito, o sucessor de Kovac, Hansi Flick, é certamente, o grande responsável pela ascensão dos bávaros, basta analisarmos o desempenho do treinador de 55 anos de idade à frente do time. Para se ter uma ideia, Flick contabiliza 32 vitórias, 1 empate e apenas duas derrotas em 35 jogos no comando dos octacampeões alemães, obtendo 92,3% de aproveitamento através desta impecável performance.
Vale ressaltar ainda, que o Bayern mantém-se invicto em 2020, visto que o último revés sofrido pelo conjunto bávaro, deu-se no dia 07 de dezembro, quando ele perdeu do Borussia Monchengladbach por 2 a 1. De lá para cá, os pupilos de Hansi Flick registraram 29 vitórias e um empate em 30 compromissos, permanecendo com 100% de aproveitamento na Champions League.

Palavras do treinador Hansi Flick:

Vamos tentar organizar a nossa defesa, mas sabemos que a nossa maior força é colocar os nossos adversários sob pressão”.

Você sabia?

O registro histórico do confronto aponta que PSG e Bayern se enfrentaram oito vezes ao longo da trajetória, e a vantagem é dos parisienses, que somam cinco vitórias mediante três triunfos dos bávaros. Por sinal, todos os duelos anteriores entre eles, foram válidos pela fase de grupos da Champions League.
O PSG pode torna-se o segundo francês a erguer a taça da Champions League, já que o Olympique Marseille é o único clube do país campeão do torneio – venceu em 1993. Em contrapartida, o Bayern corre atrás de seu sexto título europeu, uma vez que os bávaros ganharam a competição nas temporadas 1973/74, 1974/75, 1975/76, 2000/01 e 2012/13.
Curiosamente, esta será a terceira final de Champions League disputada em Lisboa. Em 1967, o Celtic bateu a Inter de Milão por 2 a 1 na capital portuguesa, ao passo que o Real Madrid derrotou o Atlético de Madrid por 4 a 1 (na prorrogação) no estádio da Luz em 2014.
Outro detalhe interessante, é que esta será apenas a segunda decisão da Champions League envolvendo franceses e alemães. Esta façanha ocorreu na edição 1975/76 da competição, sendo que na ocasião, o próprio Bayern deu a volta olímpica após vencer o Saint-Étienne pelo placar mínimo em Glasgow.

Escalações

PSG (4-3-3): Navas; Kehrer, Thiago Silva, Kimpembe e Bernat; Verratti, Marquinhos e Ander Herrera; Di María, Neymar e Mbappé. Técnico: Thomas Tuchel.

Bayern (4-2-3-1): Neuer; Kimmich, Boateng, Alaba e Davies; Goretzka e Thiago Alcântara; Perisic, Muller e Gnabry; Lewandowski. Técnico: Hansi Flick.

Previsão

A decisão da Champions League promete ser intensa no estádio da Luz, sobretudo em função do futebol praticado pelas duas equipes, que por jogarem de maneira bastante ofensiva, acabam marcando muitos gols.
Por conta de sua maior tradição no mundo da bola, o Gigante da Baviera é o favorito à vitória diante dos parisienses, tendo em vista que o peso da camisa interfere – e muito – em jogos decisivos como o de domingo. Ademais, é importante salientar que o fato do PSG jamais ter ganho a Champions League, coloca uma pressão maior sobre os comandados de Thomas Tuchel.
No entanto, o ponto fraco do time de Hansi Flick é justamente a defesa, o que significa que o insaciável trio formado por Ángel Di María, Neymar e Kylian Mbappé pode causar graves problemas aos bávaros, principalmente no que diz respeito aos contra-ataques. Contudo, se o Bayern repetir a mesma atuação da partida contra o Barcelona, serão mínimas as chances de vê-lo regressar à Munique sem a sexta orelhuda na bagagem.
Palpite: PSG 2 x 3 Bayern

Deixar um comentário

Menu