Senegal x Argélia

O estádio Internacional do Cairo será o palco da tão aguardada final da Copa Africana de Nações 2019 (CAN), que terá como protagonistas, os selecionados de Senegal e Argélia, lembrando que a decisão começa a partir das 16:00 (horário de Brasília).

Senegal

A seleção senegalesa está há noventa minutos de conquistar o seu primeiro título continental, por esta razão, a ansiedade é grande entre os Leões de Teranga. E a caminhada dos pupilos de Aliou Cissé para chegarem na decisão da Copa Africana de Nações não foi nada fácil, tanto é, que eles avançaram à fase mata-mata do torneio, somente como vice-colocados do grupo C, atrás justamente da Argélia, colecionando duas vitórias (Quênia e Tanzânia) e uma derrota (Argélia) no primeiro estágio da competição.
Em seguida, os Leões de Teranga eliminaram Uganda, Benin e Tunísia, nas oitavas de final, quartas de final e semifinal, respectivamente, derrotando os três oponentes todos pelo mesmo placar, 1 a 0. Todavia, no confronto diante dos tunisianos, a seleção de Senegal garantiu a sua classificação apenas na prorrogação, graças ao gol contra de Dylan Bronn, uma vez que a partida terminou empatada sem gols no tempo regulamentar.
O zagueiro Kalidou Koulibaly, atleta do Napoli, está fora da decisão em virtude do cartão amarelo recebido nas semifinais.

O ponto forte da seleção senegalesa na CAN, é o setor defensivo da equipe, que sofreu apenas um gol na competição. Por isso, a ausência de Kalidou Koulibaly preocupa bastante o técnico Aliou Cissé.
O ponto forte da seleção senegalesa na CAN, é o setor defensivo da equipe, que sofreu apenas um gol na competição. Por isso, a ausência de Kalidou Koulibaly preocupa bastante o técnico Aliou Cissé.

Argélia

Do outro lado, a Argélia desembarca no Cairo com a confiança totalmente em alta, afinal, os argelinos já sentiram o prazer de derrotar os senegaleses pelo placar mínimo, ainda na fase de grupos da Copa Africana de Nações. Aliás, as Raposas do Deserto encerraram a sua participação na fase de grupos obtendo 100% de aproveitamento, somando 9 pontos nos três jogos disputados.
Enquanto isso, nas oitavas de final, os comandados de Djamel Belmadi literalmente atropelaram a seleção de Guiné, derrotando-os por 3 a 0. Entretanto, foi a partir das quartas de final, que as Raposas do Deserto encontraram as suas maiores dificuldades no torneio, não à toa, elas só conseguiram superar a Costa do Marfim nas penalidades (4 a 3, nos pênaltis), ao passo que nas semifinais, a Argélia garantiu a sua classificação frente à Nigéria, devido ao gol salvador de Riyad Mahrez, marcado aos 50 minutos da segunda etapa da partida (2 x 1).
O departamento médico argelino vetou a presença do zagueiro Youcef Atal, em decorrência de uma fratura na clavícula sofrida ainda nas quartas de final da CAN.

Invicta na CAN, acumulando 5 vitórias e 1 empate, a Seleção da Argélia disputará a decisão do torneio pela terceira vez na história.
Invicta na CAN, acumulando 5 vitórias e 1 empate, a Seleção da Argélia disputará a decisão do torneio pela terceira vez na história.

Dados Estatísticos

O registro histórico do confronto aponta que ambas seleções se enfrentaram 20 vezes ao longo da trajetória, e a vantagem é da Argélia que contabiliza onze vitórias mediante quatro triunfos de Senegal, à medida que o empate prevaleceu em outras cinco oportunidades.
As duas seleções já se enfrentaram recentemente, pela fase de grupos da atual edição da Copa Africana de Nações, e o duelo terminou com a vitória dos argelinos por 1 a 0, com gol de Riyad Mahrez. A propósito, a Argélia segue invicta diante de Senegal nos últimos cinco encontro entre eles (4 vitórias e 1 empate). Para se ter uma ideia, o último triunfo dos Leões de Teranga sobre as Raposas do Deserto aconteceu apenas em 2008 (1 x 0), há onze anos, pelas Eliminatórias da Copa de 2010.
Vale ressaltar ainda, que a Argélia busca o seu segundo título africano, pois os argelinos ergueram o caneco da CAN no ano de 1990, época em que os próprios argelinos sediaram o torneio. Já os senegaleses, têm o vice-campeonato de 2002 como o melhor resultado obtido por eles até hoje na competição.

Riyad Mahrez ou Sadio Mané, qual deles regressará à Terra da Rainha com a taça da CAN em mãos?
Riyad Mahrez ou Sadio Mané, qual deles regressará à Terra da Rainha com a taça da CAN em mãos? Curiosamente, ambos marcaram três gols na atual edição do torneio, e são os artilheiros de suas respectivas seleções.

Escalações

Senegal (4-2-3-1): Gomis; Gassama, Kouyaté, Salif Sané e Sabaly; N’Diaye e Gueye; Ismaila Sarr, Saivet e Sadio Mané; Konaté. Técnico: Aliou Cissé.

Argélia (4-5-1): Bolhi; Zeffane, Mandi, Belamri e Bensebaini; Mahrez, Feghouli, Guedioura, Bennacer e Belaili; Boudjenah. Técnico: Djamel Belmadi.

Previsão

Não me restam dúvidas de que a final da Copa Africana de Nações será disputada pelas duas melhores seleções africanas da atualidade, portanto trata-se de uma decisão justa.
Considero a seleção da Argélia como favorita à vitória, sobretudo porque as Raposas do Deserto realizaram uma campanha melhor até aqui, e enfrentaram adversários mais fortes na fase mata-mata da competição, como Costa do Marfim e Nigéria. Além disso, os argelinos são donos de um ataque mais eficaz, aliás, o melhor da competição até o momento com 12 tentos marcados.
Já o selecionado senegalês, sabe que terá pela frente uma dificílima tarefa, e precisará superar-se para conquistar o torneio africano pela primeira vez na história, ainda mais depois da confirmação da ausência do zagueiro Kalidou Koulibaly, um dos principais nomes de Senegal.
Embora a Argélia tenha vencido Senegal (1 x 0) na fase de grupos da CAN, o duelo entre eles foi bastante equilibrado, com os senegaleses obtendo 55% de posse de bola contra 45% dos argelinos, enquanto os dois finalizaram duas vezes ao gol adversário durante os noventa minutos da partida. Por este motivo, acredito que este embate terminará com a igualdade no placar, e desse modo será decidido nos pênaltis.
Palpite: Senegal 1 x 1 Argélia.

 

Deixar um comentário

Menu