Expectativas em alta no Leeds

A ótima campanha do Leeds, de Marcelo Bielsa, em seu retorno à Premier League após 16 anos, aumentou ainda mais as expectativas dos peacocks em relação à próxima temporada.

Desde 2004, os torcedores do Leeds United não sentiam a emoção de ver o seu time disputando a Premier League. Pois é, mas as coisas mudaram pelos lados do Elland Road assim que o polêmico Marcelo Bielsa desembarcou na Terra da Rainha para comandar o conjunto de West Yorkshire. Embora os Whites não tenham conseguido o acesso logo no primeiro ano do treinador argentino à frente da equipe, o tão sonhado regresso à elite do futebol inglês foi confirmado já na temporada seguinte quando os pupilos de Bielsa ergueram o caneco da Championship League 2019/20.

E como não poderia deixar de ser, o principal objetivo do Leeds em seu primeiro ano pós retorno à Premier League era livrar-se do temível rebaixamento. Por esta razão, a diretoria estipulou que a equipe encerrasse a competição somando no mínimo 40 pontos ganhos e obtivesse pelo menos 10 vitórias no decorrer da temporada, algo que no final das contas foi mais do que superado, tendo em vista que os Whites foram nono colocados no campeonato ao marcarem 59 pontos em 38 jogos, lembrando que eles conquistaram 18 triunfos no torneio, isto é, oito a mais do que o estabelecido.

A propósito, é importante salientar que o Leeds poderia se acomodar na Premier League depois que a meta de alcançar 40 pontos havia sido alcançada, o que definitivamente não aconteceu. Para se ter uma ideia, os peacocks venceram SETE das últimas dez partidas realizadas no campeonato, registrando dois empates e apenas uma derrota nos demais compromissos, conquistando assim, 23 dos 30 pontos disputados no período.

Vale ressaltar ainda, que o Leeds enfrentou fortíssimos adversários nas dez rodadas finais da edição anterior da Premier League, como são os casos de Manchester United, Liverpool, Tottenham, além do então campeão Manchester City, que caiu diante dos Whites em pleno Etihad Stadium por 2 a 1 – e sem contar que eles se despediram da temporada 2020/21 contabilizando quatro vitórias nos últimos quatro jogos diante de Tottenham, Burnley, Southampton e West Bromwich, respectivamente.

Devido a ótima performance na temporada passada, a diretoria do Leeds já projeta uma vaga no G-6 da próxima edição da Premier League. Sabendo disso, Marcelo Bielsa já deu início aos intensos treinamentos de pré-temporada que estão sendo realizados em três períodos do dia pelos jogadores. Ademais, é esperada uma postura agressiva dos Whites nesta janela de meio de ano, porém como exige o técnico argentino, sem a contratação de nenhuma estrela. Até aqui, somente o lateral Junior Firpo e o ponta Jack Harrison, foram apresentados pelo clube três vezes campeão inglês.

E em função do estilo de futebol praticado pelo time de Marcelo Bielsa, o clube está utilizando as modernas instalações da Leeds Beckett University para submeter os atletas a diversos testes de ordem física e mental. Contando com o suporte de nutricionistas, PhD’s em ciências do esporte, e fisiologistas do mais alto nível, o elenco segue passando por uma bateria de análises aonde serão encontradas informações detalhadas da linha de base das articulações e músculos dos jogadores, o que permitirá que estes profissionais avaliem com mais precisão os riscos de lesões de cada um deles.

Em contrapartida, os Whites têm como prioridade no momento, estender o vínculo contratual de Marcelo Bielsa por mais um ano, afinal, El Loko continua disponível no mercado desde que o seu contrato venceu no último mês de junho. Mas apesar disso, este não deve ser um grande empecilho para a diretoria, sobretudo porque o clube segue dando andamento nas melhorias reivindicadas pelo técnico argentino tanto no centro de treinamentos de Thorp Arch quanto no gramado do estádio Elland Road. Deste modo, podemos esperar um Leeds ainda mais forte na temporada 2021/22!

Deixar um comentário

Menu