Espanha x Rússia

Na manhã deste domingo, os selecionados de Espanha e Rússia estarão frente a frente na capital russa, para decidir qual deles avançará às quartas de final da Copa do Mundo, e qual deles dará adeus ao torneio. O confronto válido pelas oitavas de final do Mundial, terá início a partir das 11:00 (horário de Brasília), no Luzhniki Stadium.

Espanha

Ao analisarmos o retrospecto da Espanha, logo perceberemos que trata-se de uma das seleções mais fortes da atualidade, afinal, a Fúria mantém uma incrível série de 23 jogos consecutivos sem derrotas. Para se ter uma ideia, o último revés sofrido pelos espanhóis foi para a Itália (2 x 0) nas oitavas de final da Eurocopa 2016, de lá para cá, os campeões mundiais de 2010 permanecem invictos.
No entanto, a saída do ex-treinador Julen Lopetegui às vésperas da Copa da Rússia colaborou para que a Fúria caísse de rendimento dentro de campo, tanto é, que a seleção espanhola não apresentou um futebol convincente na primeira fase do torneio sob o comando de Fernando Hierro. A única partida em que a Espanha realmente agradou, foi no eletrizante empate contra Portugal (3 x 3), já que tanto na vitória frente o Irã (1 x 0) quanto no empate diante do Marrocos (2 x 2), os espanhóis deixaram bastante à desejar.
Buscando uma melhora na equipe, o técnico Fernando Hierro decidiu realizar duas mudanças no time, trata-se das trocas do goleiro David De Gea pelo substituto Kepa Arrizabalaga, e do meia-atacante David Silva pelo reserva Marco Asensio.

O brasileiro naturalizado espanhol, Diego Costa, é o artilheiro da Espanha na Copa do Mundo com três gols em três jogos disputados.
O brasileiro naturalizado espanhol, Diego Costa, é o artilheiro da Espanha na Copa do Mundo com três gols em três jogos disputados.

Rússia

Enquanto a Espanha chegou ao Mundial mantendo uma invencibilidade de mais de 20 jogos, a Rússia estreou na competição vivendo o outro extremo, tudo porque os pupilos de Stanislav Cherchesov não haviam vencido em 2018, e acumulavam sete partidas seguidas sem vitórias.
Mas para a alegria de toda a nação russa, a atmosfera empolgante da Copa do Mundo contagiou a seleção da Rússia, que está tendo o privilégio de disputar o torneio em seus domínios. Com isso, os Soviéticos atropelaram a Arábia Saudita por 5 a 0 em sua estreia, e posteriormente, não tiveram dificuldades para bater o Egito por 3 a 1, garantindo assim, a sua vaga nas oitavas de final da Copa de forma antecipada. Entretanto, no confronto diante do Uruguai, os russos sofreram um duríssimo revés para o Uruguai (3 x 0), lembrando que os anfitriões jogaram a maior parte do jogo com um homem a menos, uma vez que Igor Smolnikov foi expulso.
Com a suspensão de Igor Smolnikov, o técnico Stanislav Cherchesov escalará o brasileiro Mario Fernandes novamente na lateral-direita do time. Além dele, o meio-campista Alan Dzagoev está vetado pelo departamento médico em decorrência de uma lesão.

Por incrível que pareça, a Rússia é dona do segundo melhor ataque da Copa ao lado da Inglaterra com oito tentos marcados, sendo superado apenas pela Bélgica que contabiliza nove gols.
Por incrível que pareça, a Rússia é dona do segundo melhor ataque da Copa ao lado da Inglaterra com oito tentos marcados. Ambas são superadas apenas pela Bélgica, que contabiliza nove gols.

Dados Históricos

O registro histórico do confronto aponta que ambas seleções se enfrentaram seis vezes ao longo da história, e a vantagem é da Espanha que soma quatro vitórias contra nenhum triunfo da Rússia, ao passo que o empate prevaleceu nas outras duas oportunidades.
O encontro mais recente envolvendo os dois selecionados, ocorreu no ano passado, em um amistoso realizada em São Petersburgo. Na ocasião, o duelo ficou empatado em 3 a 3, com gols de Fyodor Smolov (2 gols) e Aleksei Miranchuk para o lado dos russos, à medida que Sergio Ramos (2 gols) e Jordi Alba marcaram a favor dos espanhóis.
Todavia, o último jogo entre eles válido por competições internacionais, aconteceu nas semifinais da Eurocopa 2008, e terminou com a vitória da Espanha por 3 a 0.
Como citei anteriormente, a Espanha não perde há exatos 23 jogos, registrando 15 vitórias e oito empates neste período. Não à toa, a Fúria é a seleção mais tempo invicta dentre todas as 32 que disputam a Copa do Mundo de 2018.

Este será o primeiro encontro entre espanhóis e russos válido por uma Copa do Mundo.
Espanhóis e russos jamais se enfrentaram em Copas do Mundo até hoje.

Escalações

Espanha (4-2-3-1): Arrizabalaga; Carvajal, Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Busquets e Saúl Ñiguez; Asensio, Isco e Iniesta; Diego Costa. Técnico: Fernando Hierro.

Rússia (4-2-3-1): Akinfeev; Mario Fernandes, Kutepov, Ignashevich e Zhirkov; Gazinskiy e Zobnin; Samedov, Golovin e Cheryshev; Dzyuba. Técnico: Stanislav Cherchesov.

Previsão

O embate entre espanhóis e russos será bastante agitado na manhã deste domingo, afinal, o vencedor estará automaticamente nas quartas de final da Copa do Mundo, portanto, estamos nos referindo a um duelo extremamente decisivo.
Embora a Espanha não tenha agradado na primeira fase do Mundial, a qualidade da equipe de Fernando Hierro é indiscutível, visto que poucas seleções se dão ao luxo de contarem com nomes como Andrés Iniesta, Diego Costa, David Silva, Sergio Busquets, Sergio Ramos, Gerard Piqué, Thiago Alcântara, entre outros. O grande problema da Fúria no momento, é a falta de um comandante capacitado na beira do campo, já que Julen Lopetegui foi demitido de maneira surpreendente dias antes do início da Copa.
Do outro lado, o selecionado russo tentará apagar a péssima imagem deixada na derrota por 3 a 0 para o Uruguai. Na minha opinião, a Rússia já foi longe demais na competição ao ter chegado nas oitavas de final, pois os anfitriões tem um time limitadíssimo tecnicamente, por este motivo, o conjunto de Stanislav Cherchesov já deve se dar por satisfeito em ter avançado da fase de grupos, algo que era inimaginável.
Levando em consideração todos estes aspectos, creio que a Espanha não encontrará dificuldades para derrotar a Rússia no Luzhniki Stadium.
Palpite: Espanha 3 x 0 Rússia.

 

 

Deixar um comentário

Menu