Duro choque de realidade aos torcedores blaugranas

Depois de perder Lionel Messi no início de agosto, o Barcelona encerrou o mês cedendo Antoine Griezmann por empréstimo ao Atlético de Madrid. Por essas e outras, a última janela de transferências do futebol europeu já é apontada como a pior da história do clube catalão.

Quem seria capaz de imaginar que um dia o casamento entre Barcelona e Lionel Messi chegaria ao fim? Pois é, a janela de transferências do verão europeu de 2021 ficará marcada pra sempre de forma negativa na memória dos torcedores barcelonistas porque foi exatamente nela que o craque argentino despediu-se do clube após mais de duas décadas de uma gloriosa história, e embora a ida de Messi ao PSG tenha se concretizado devido a crítica situação financeira do Barça, a verdade é que ela ocorreu justo neste meio de ano, o que torna este período pra lá de trágico aos catalães.

E como se apenas a saída de Lionel Messi não bastasse, o Barcelona ainda sofreu outra grande baixa no último dia do fatídico agosto de 2021, visto que Antoine Griezmann aceitou regressar via empréstimo ao Atlético de Madrid. Apesar do atacante francês não ter caído nas graças da torcida blaugrana desde a sua chegada ao Camp Nou há duas temporadas, é inegável o fato de que ele era um dos principais nomes do elenco de Ronaldo Koeman, lembrando que Emerson Royal, Junior Firpo e Carles Aleñá e Francisco Trincão, também deixaram o Barça nesta janela de transferências.

No entanto, é importante salientar que o Barcelona já havia planejado uma janela de transferências agitada, afinal, a ideia da cúpula diretiva do clube era se desfazer de alguns atletas para viabilizar a vinda de novos reforços e, especialmente, estender o vínculo contratual de Lionel Messi. Por esta razão, o Barça estava disposto a negociar Philippe Coutinho, Miralem Pjanic, Samuel Umtiti, Ousmane Dembélé e em última estância, Antoine Griezmann.

Todavia, no final das contas a realidade é que os planos do Barcelona foram todos frustrados, já que além de não obter sucesso na renovação de Lionel Messi, o conjunto catalão só conseguiu negociar Antoine Griezmann junto ao Atlético de Madrid no prazo limite da janela de transferências, o que significa que esta transação não teria sido efetivada se algum dos atletas presentes na lista de negociáveis tivessem saído anteriormente. Sorte de Simeone!

Contudo, seis novos atletas desembarcaram em solo catalão para defender as cores do Barcelona a partir desta temporada, tratam-se de Memphis Depay, Sergio Aguero, Eric García, Yusuf Demir e Luuk de Jong. Aliás, de acordo com estas contratações, fica claro que o setor ofensivo do time foi o mais reforçado nesta janela. Entretanto, com a recente lesão sofrida por Aguero, o trio de ataque titular do Barça no momento é formado por Memphis, De Jong e Braithwaite, isto é, nomes que estão a anos luz de distância de Ronaldinho Gaúcho, Samuel Eto’o, Thierry Henry, David Villa, Neymar e Luis Suárez.

Em contrapartida, esta nova realidade do Barça é consequência dos estragos causados pela desastrosa gestão de Josep Maria Bartomeu. Para se ter uma ideia, o Barcelona só foi capaz de utilizar tanto o zagueiro Eric García quanto o atacante Memphis Depay no jogo de estreia da equipe na LaLiga, porque os medalhões Gerard Piqué, Jordi Alba e Sergio Busquets aprovaram cortar os seus respectivos adiamentos salariais, abrindo assim, a possibilidade para a inscrição de ambos na competição sem que as regras do regras do fair play financeiro espanhol fossem infringidas.

Ainda assim, a ficha dos catalães só caiu mesmo após o encerramento da janela de transferências, no instante em que o Barcelona divulgou a nova numeração do plantel para a disputa da temporada 2021/22. Na lista, Sergio Aguero apareceu com o número 19, Luuk de Jong com o 17, Memphis Depay com o 9, Yussuf Demir com o 11, e pasmem, Ansu Fati com o número dez, isso mesmo, o herdeiro da icônica camisa de Lionel Messi será uma jovem promessa de 18 anos de idade formado em La Masia, quer dizer, um duríssimo choque de realidade aos torcedores blaugranas.

Deixar um comentário

Menu