UEFA

11 Posts Back Home

De coadjuvante a protagonista

Após vencer o inédito título da Eurocopa em 2016, a seleção de Portugal já vislumbra a possibilidade de conquistar o bicampeonato europeu em 2020, ou seja, um feito totalmente atingível para este selecionado que há tempos deixou de ser um mero coadjuvante no mundo da bola. No início desta semana, tivemos a confirmação de que a seleção de Portugal garantiu a sua vaga na edição de 2020 da Eurocopa. Vice-colocada do grupo B das Eliminatórias com 17 pontos, a Seleção das Quinas colecionou o total de 5 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota em oito jogos disputados pela competição, obtendo 70,8% de aproveitamento através desta boa campanha. Assim, mesmo ficando atrás da Ucrânia, líder com 20 pontos, os lusitanos se classificaram ao torneio continental. Todavia, essa notícia acabou não chamando tanto a atenção, sobretudo porque os portugueses carimbaram o seu passaporte para a Euro pela sétima vez consecutiva. Mas um detalhe que poucas pessoas se recordam, é que os portugueses sofreram…

Liverpool x Chelsea

Na tarde desta quarta-feira (14), às 16:00 (de Brasília), os tradicionais rivais ingleses, Liverpool e Chelsea, decidirão no estádio Vodafone Park, em Istambul, qual deles voltará à Terra da Rainha com a taça da Supercopa da Europa na bagagem, competição esta, que reúne os atuais campeões da Champions League e da Europa League. Liverpool A estreia do Liverpool nesta nova temporada acabou não causando nenhuma surpresa, isso porque os comandados de Jurgen Klopp golearam o Norwich, recém-promovido à elite do futebol inglês, por 4 a 1, em Anfield, pela partida de abertura da Premier League 2019/20. Mas nem tudo foi festa para os Reds, visto que o goleiro Alisson saiu de campo machucado aos 39 minutos da primeira etapa, devido a uma lesão na panturrilha, que inclusive, o deixará fora de combate por um algumas semanas. Deste modo, o guarda-meta dos atuais campeões europeus na decisão da Supercopa da Europa será o espanhol Adrián, ex-atleta do West…

Portugal, campeão da Liga das Nações da UEFA

A Liga das Nações da UEFA foi realmente um sucesso, e teve um final feliz para a seleção de Portugal, que depois de erguer o troféu da Eurocopa em 2016, não desperdiçou a oportunidade de faturar o caneco da primeira edição do novo torneio da UEFA. Balanço positivo da Liga das Nações A ideia da UEFA em criar um campeonato entre seleções do Velho Continente no período pós Copa do Mundo, não poderia ter sido melhor, afinal, nesta época os selecionados realizavam modorrentas partidas amistosas, que não despertavam nenhum interesse ao público. Aliás, cada vez mais os jogos internacionais geram algum tipo de entusiasmo nas pessoas. Para nós, sul-americanos, acredito que este fenômeno aconteça somente na disputa dos Mundiais, ou seja, de quatro em quatro anos. Na Europa, a Eurocopa também empolga os amantes da bola, pensando nisso, a entidade teve a iniciativa de organizar uma nova competição continental. O êxito da Liga das Nações…

Portugal x Holanda

A primeira edição da Liga das Nações da UEFA conhecerá o campeão na tarde deste domingo, visto que Portugal e Holanda decidirão o título do torneio no estádio do Dragão, lembrando que a final começa a partir das 15:45 (horário de Brasília). Portugal Como não poderia deixar de ser, o grande responsável por Portugal estar na final da Liga das Nações da UEFA, é o craque Cristiano Ronaldo, isso porque o camisa 7 foi autor de um hat-trick no confronto diante da Suíça, pelas semifinais da competição. Quando a partida já se encaminhava para a prorrogação, o jogador da Juventus arrancou dois coelhos da cartola, marcando o segundo e o terceiro gol dos portugueses nos 43 e 45 minutos da segunda etapa, respectivamente, garantindo assim, o triunfo da seleção lusitana. No entanto, os atuais campeões europeus disputaram a fase de grupos do torneio sem contar com Cristiano Ronaldo, uma prova de que o conjunto português é…

Holanda x Inglaterra

O estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, será o palco do confronto desta quinta-feira (15:45, horário de Brasília) entre Holanda x Inglaterra, que vale vaga na grande decisão da Liga das Nações da UEFA. Holanda Após vivenciar momentos realmente turbulentos nos últimos anos, que culminaram com a não participação tanto na Eurocopa 2016 quanto na Copa do Mundo de 2018, enfim o futebol holandês voltou a respirar, basta citarmos a incrível campanha do Ajax, semifinalista na Champions League, e da própria Laranja Mecânica, que está a um passo da final da Liga das Nações da UEFA. Aliás, a trajetória dos comandados de Ronald Koeman para chegarem na semifinal do torneio europeu não foi nada fácil, visto que eles estavam situados no mesmo grupo que Alemanha e França, isto é, as duas últimas campeãs mundiais. O grande objetivo de Ronald Koeman desde que o ex-técnico do Everton assumiu a Holanda em 2018, era classificar a Laranja Mecânica…

As jovens revelações da temporada 2018/19

A grande decisão da Champions League determinou o encerramento da temporada 2018/19 do futebol europeu. E como não poderia deixar de ser, diversos jovens atletas se destacaram em seus respectivos clubes, tanto é, que eles já estão no radar de gigantes do Velho Continente. A temporada 2018/19 ficará marcada eternamente na história do futebol europeu, afinal, ela foi bastante intensa e repleta de momentos realmente magistrais, basta recordarmos da incrível série de viradas inusitadas na fase mata-mata da Champions League. E porque não citar a grande batalha travada entre Manchester City e Liverpool pelo título da Premier League, ou então, a façanha alcançada pelo Valencia, que ergueu o caneco da Copa do Rei justamente no ano de seu centenário ao derrotar o poderoso Barcelona, que brigava pelo pentacampeonato do torneio. Posso destacar também, o excelente segundo turno realizado pelo Benfica, que culminou com a conquista da Primeira Liga por parte do conjunto lisboeta, e obviamente, o…

Holanda x Alemanha

A Johan Cruijff Arena será o palco do embate deste domingo entre Holanda e Alemanha, válido pela 2ª rodada das Eliminatórias da Eurocopa 2020. Este tradicional confronto do futebol mundial, começa a partir das 16:30 (horário de Brasília). Holanda Depois de ficar fora tanto da Euro 2016 quanto da Copa do Mundo de 2018, a Holanda tem motivos de sobra para acreditar na sua classificação como líder do grupo C das Eliminatórias, afinal, o selecionado holandês se reformulou totalmente, e na atualidade, é composto por uma geração extremamente promissora, tanto é, que a Laranja Mecânica perdeu apenas uma das últimas oito partidas disputadas, lembrando que neste período, ela enfrentou fortes selecionados como Portugal, Itália, Bélgica, Alemanha e França. Além disso, os comandados de Ronald Koeman garantiram a sua vaga nas semifinais da Liga das Nações da UEFA, após desbancarem as fortes seleções de França e Alemanha, ou seja, as duas últimas campeãs mundias. Deste modo, os…

A nova geração do futebol holandês

Depois de assistir a Eurocopa 2016 e a Copa do Mundo de 2018 pela televisão, a Holanda, atualmente comandada por Ronald Koeman, está de volta ao caminho do sucesso. Isso porque a Laranja Mecânica conseguiu a façanha de classificar-se às semifinais da Liga das Nações da UEFA, após deixar para trás as poderosíssimas França e Alemanha, ou seja, as duas últimas campeãs mundiais. Não disputar um Mundial não é nenhuma surpresa para a Holanda, afinal, o futebol holandês vive de ciclos, dependendo sempre do surgimento de novas gerações de jogadores, e quando essa safra de atletas não “sai do forno”, a Oranje sente as consequências ficando fora de competições internacionais. Mas como pode um país tão pequeno quanto a Holanda, expor tantos talentos ao mundo da bola? Realmente, essa uma questão difícil de responder! Até por esta razão, costumo comparar os holandeses aos uruguaios, que mesmo pertencendo a uma nação composta por uma população pouco numerosa…

Pesadelo alemão

A precoce eliminação da Alemanha ainda na fase de grupos da Copa do Mundo de 2018, foi considerada uma dos maiores fiascos protagonizados pela Mannschaft ao longo da história. Com o intuito de apagar a péssima imagem deixada nos gramados russos, os comandados de Joachim Low tinham como principal objetivo, ser a primeira seleção a erguer a taça da Liga das Nações da UEFA. Entretanto, este sonho se transformou em um verdadeiro pesadelo aos tetracampeões mundiais. Como não poderia deixar de ser, a Alemanha era apontada a principal favorita à avançar de fase na Liga das Nações da UEFA, mesmo dividindo o grupo com a atual campeã da Copa de 2018, França, além da poderosa Holanda. Isso porque estamos nos referindo a uma das seleções mais gloriosas do planeta, tetracampeã mundial, e que já revelou ao mundo grandes craques como Franz Beckenbauer, Sepp Maier, Karl-Heinz Rummenigge, Lothar Matthaus, Jurgen Klinsmann, Oliver…

Futuro em cheque

O revés sofrido pela Espanha diante da Croácia por 3 a 2 pela Liga das Nações da UEFA, deixou os torcedores espanhóis bastante desconfiados em relação ao trabalho do treinador Luis Enrique, que por sua vez, registra um dos piores inícios de um técnico no comando da Fúria ao longo da trajetória. O problema relacionado a treinadores parece não ter fim na Espanha, afinal, depois da Federação Espanhola de Futebol (RFEF) demitir Julen Lopetegui às vésperas da Copa do Mundo de 2018, em virtude do acerto do técnico com o Real Madrid, a entidade já demonstra um certo arrependimento ao ter escolhido Luis Enrique para suceder o cargo. Isso porque o ex-comandante do Barcelona não começou nada bem a sua jornada pela seleção, tanto é, que ele acumula 3 vitórias e duas derrotas nas cinco primeiras partidas à frente da Fúria. Para se ter uma ideia, a performance de Luis Enrique pelo selecionado espanhol só não é pior que a dos…

À beira do colapso

No dia 15 de novembro de 2015, França e Alemanha realizaram uma partida amistosa em Paris, que terminou com o triunfo dos anfitriões por 2 a 0. Entretanto, este encontro ficou marcado eternamente na memória de franceses e alemães, pois por volta do vigésimo minuto de jogo ouviu-se uma grande explosão do lado de fora do estádio. Infelizmente foi apenas um de uma série de atentados terroristas cometidos pelo Estado Islâmico naquela noite. Ontem (16), quase três anos após a fatídica noite do dia 15 de novembro de 2015, franceses e alemães voltaram a se encontrar no mesmo palco, o Stade de France, e mais uma vez, a França saiu de campo com a vitória sobre os alemães, porém nesta ocasião, de virada, por 2 a 1, pela 4ª rodada da Liga das Nações da UEFA. Curiosamente, até os treinadores eram os mesmos, dado que tanto Didier Deschamps quanto Joachim Low, comandaram as seleções em ambas partidas. Todavia,…

Menu